quinta-feira, 22 de maio de 2008

Maria Queiroz -telas em vernissage da Universidade Estácio de Sá





Fotos (Marco LLobus, fotógrafo):
CD "Dó Re MI"
Maria Queiroz, à minha esquerda.
Eu e mandala da artista, que usei para expressar o memorial a Artur da Távola.


Maria Queiroz, com seus modos mansos, tem a música no sangue e a poesia ,em simbiose com o ritmo natural que imprime a tudo:artista plástica, faz mandalas e telas que sinalizam sua rica vida interior.Dela, prefaciei "A Flor da Pele" ,livro de poemas, primevo.A caminho um novo, telas brotaram no "interemezzo",mais o CD de canções para crianças, onde canta suas composições com a garota Marina, aluna de Babaya,e seu amigo Leroy.

Neste momento, essa integrante do livro-álbum POIETISAS(leia sobre o mesmo, na G~enese, primeira página deste blog),está feliz, pois foi a Universidade Estácio de Sá ,aqui em convidou-a para uma exposição, cuja vernissage acontece a 26 de julho, na Rua Erê, no Prado.

As telas também concorrem ao prêmio que a Estácio de Sá ,aqui na capital mineira,oferece aos artistas participantes.

LLobus e eu estivemos no apartamento da artista e "POIETISA", para a costumeira troca de impressões, onde foi entrevistada, fotografada,filmada e gravada e nos encantamos com sua Arte e com posições musicais.

Recentemente, usei a foto de uma mandala, para ilustrar um texto do memorial a Artur da Távola.

Nossos melhores votos de sucesso nesse certame/expo.

2 comentários:

Phoenix disse...

Por favor, como adquirir o CD? Grata

Clevane_em_Pessoa disse...

Prezada Phoenix:

O CD , certamente poderá ser adquirido com a autora.


Abrs:
Clevane